25 dezembro 2012

Entrevista - 2009

Criei o blog em sua homenagem. Tinha delineado ir dando conta de todas as leituras dos seus livros, que fui amealhando, um a um. Depois as miudezas do quotidiano, misto de vicissitudes da vida e dos encargos do ganha-pão, foram roendo o tempo, os deveres morais mobilizando a alma. Nestes dias, por ser Natal, renascemos. Graças ao António Quadros Ferro chegou-me esta sua entrevista, outorgada em 2009. Ouve-se aqui. Publico-a antes mesmo de a ouvir. Com ela a má consciência redime-se. Voltarei à sua obra, como se a uma fonte purificadora.